Banner top right
Oferecimento
  • :
  • :

Bandas

Publicada em 16/06/2015 ás 08:32:00

Ana Gouveia

Com uma voz inconfundível, que conquista todos por onde passa, Anajara têm mais de 15 anos de experiência musical. Uma das vozes mais potentes e afinadas do Brasil

ANAJARA MARTINS GOUVEIA, desde os 14 anos, demonstrava na igreja que freqüentava seu dom para a música. Mas foi através do convite de um amigo para participar do ensaio de uma banda, chamada Alto Relevo, que ela começou a sua vida artística. A partir de então, a galega não parou mais, fez parte de várias bandas-baile do estado de Sergipe e grupos de forró como Cintura Fina, Zezinho da Ema e Menina Faceira. Contudo, foi na banda Mulheres Perdidas que ela ganhou mais notoriedade, principalmente com a gravação do primeiro DVD da banda, em Feira de Santana/BA. Uma das músicas mais marcantes que até hoje está na memória e no coração de muitas pessoas, inclusive da Ana é Eu me Rendo, canção essa que fez sucesso nos shows e nas rádios por todo o Brasil.
Durante os mais de três anos de dedicação e conquistas na banda Mulheres Perdidas, inúmeras propostas foram surgindo, mas Ana optou por continuar na banda, o que aconteceu até o ano de 2009, quando, em janeiro, a cantora decidiu buscar novas conquistas, desligando-se do grupo sergipano. Surge então, em fevereiro, a proposta para fazer parte de um projeto inovador no meio forrozeiro, o Forró CasaNova, o qual Ana abraçou e se dedicou por dois meses, até receber uma proposta irrecusável feita por Gilton Andrade, empresário da também sergipana banda Calcinha Preta.
No dia 28 de maio de 2009, começa então uma nova etapa em sua carreira. A cidade de Camaçari/BA foi a escolhida para sua estréia na maior banda de forró do Brasil. O show foi marcado pela bela interpretação na música Chora me Liga. Todos os integrantes da banda comentavam a desenvoltura de Ana no palco, uma de suas marcas. Desde sua estréia, tinha-se a impressão de que ela já fazia parte do grupo há muitos anos.
Hoje, a cantora coleciona cinco álbuns oficiais gravados na banda Calcinha Preta, e um DVD, intitulado Calcinha Preta 360º, gravado em Dezembro de 2010 na cidade de Maceió, trabalho que está rendendo à banda grandes cifras.
Ao longo desses dois anos e meio na banda Calcinha Preta, Ana construiu uma bela história, que vai além de sucessos marcados pela sua interpretação como: Tô Soltinha (eleita melhor música nacional em 2010), Tudo que eu Faço é por esse Amor, É Seu Amor que Eu Quero e My Love. Turnês internacionais (Europa, África e EUA), Participações em programas de TV e cruzeiros em alto-mar e de muitos prêmios recebidos. Esses anos foram e os próximos continuarão sendo marcados essencialmente pela sua força de vontade e persistência, pelo seu carisma, simpatia e atenção para com os fãs, pela sua forma única e marcante de interpretação, e claro, pela flexibilidade vocal que pouquíssimos cantores têm. Felizmente, continuaremos tendo o prazer de ouvir grandes sucessos gravados na belíssima voz e na marcante interpretação de Ana Gouveia, a maior revelação do forró nos últimos anos.

Comentários